×

Na reta final da eleição, inflação na Argentina chega a 142,7% em 12 meses

Na reta final da eleição, inflação na Argentina chega a 142,7% em 12 meses

Encontre matérias e conteúdos da Gazeta do Povo
O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.
A seis dias do segundo turno da eleição presidencial na Argentina, o Instituto Nacional de Estatística e Censos (Indec) divulgou nesta segunda-feira (13) os dados da inflação no país em outubro.
Novamente, os números foram ruins para o candidato peronista à Casa Rosada, Sergio Massa, atual ministro da Economia: a variação dos preços em 12 meses ficou em 142,7%, pior índice desde 1991. Em setembro, o indicador interanual havia ficado em 138,3%.
No acumulado de 2023, a inflação argentina ficou em 120%. A alta foi de 8,3% em outubro em relação a setembro e os setores que ficaram acima do indicador geral foram comunicações (12,6%), vestuário e calçados (11%), eletrodomésticos e manutenção (10,7%), bebidas alcoólicas e tabaco (9,8%), recreação e cultura (9,3%) e restaurantes e hotéis (8,8%).
No domingo (19), Massa enfrentará no segundo turno da eleição presidencial o candidato libertário Javier Milei.
Quando o peronista assumiu o Ministério da Economia, em agosto do ano passado, a inflação interanual na Argentina estava em 64%.
Máximo de 700 caracteres [0]
Apenas assinantes podem salvar para ler depois
Saiba mais em Minha Gazeta
Você salvou o conteúdo para ler depois
As notícias salvas ficam em Minha Gazeta na seção Conteúdos salvos. Leia quando quiser.
Encontre matérias e conteúdos da Gazeta do Povo
Carregando notificações
Aguarde…
Os recursos em Minha Gazeta são exclusivos para assinantes
Saiba mais sobre Minha Gazeta »

source
Fonte: Gazeta do Povo

Publicar comentário