×

Fugindo do recrutamento: pedidos de russos para asilo na Coreia do Sul dispararam em 2023

Fugindo do recrutamento: pedidos de russos para asilo na Coreia do Sul dispararam em 2023

Encontre matérias e conteúdos da Gazeta do Povo
O Sua Leitura indica o quanto você está informado sobre um determinado assunto de acordo com a profundidade e contextualização dos conteúdos que você lê. Nosso time de editores credita 20, 40, 60, 80 ou 100 pontos a cada conteúdo – aqueles que mais ajudam na compreensão do momento do país recebem mais pontos. Ao longo do tempo, essa pontuação vai sendo reduzida, já que conteúdos mais novos tendem a ser também mais relevantes na compreensão do noticiário. Assim, a sua pontuação nesse sistema é dinâmica: aumenta quando você lê e diminui quando você deixa de se informar. Neste momento a pontuação está sendo feita somente em conteúdos relacionados ao governo federal.
O número de cidadãos da Rússia que pediram asilo na Coreia do Sul no ano passado foi mais de cinco vezes maior do que o registrado em 2022.
Os números são de um relatório do governo sul-coreano, ao qual o jornal Korea Herald teve acesso. Segundo o periódico, foram 5.750 pedidos em 2023, diante de 1.038 no ano anterior.
Embora não represente muito em números absolutos, o dado do ano passado é quase igual à soma de todas as requisições de asilo de cidadãos russos à Coreia do Sul entre 1994 e 2019.
Segundo a reportagem do Korea Herald, em 2023, o país asiático recebeu ao todo 18.838 pedidos de asilo, um aumento de 63% sobre 2022. Os russos lideraram em quantia de pedidos, seguidos por cidadãos do Cazaquistão (2.094 requerimentos), da China (1.282), Malásia (1.205) e Índia (1.189).
Considerando-se as mobilizações do presidente Vladimir Putin para a guerra contra a Ucrânia, a principal suspeita é que os requerentes de asilo russos busquem evitar o recrutamento obrigatório para lutar no conflito iniciado em 2022.
O Korea Herald relatou que, entre os quase 19 mil pedidos de cidadãos de todo o mundo em 2023, a alegação mais comum para requisição de asilo é alguma questão relacionada a “opiniões políticas”, o que inclui oposição a recrutamento militar (4.580 apontaram esse motivo).
Em seguida, questões de religião (2.665), pertencimento a um determinado grupo social (1.205), intenção de unir membros da família (887) e raça (719) foram as justificativas mais comuns.
Máximo de 700 caracteres [0]
Apenas assinantes podem salvar para ler depois
Saiba mais em Minha Gazeta
Você salvou o conteúdo para ler depois
As notícias salvas ficam em Minha Gazeta na seção Conteúdos salvos. Leia quando quiser.
Encontre matérias e conteúdos da Gazeta do Povo
Carregando notificações
Aguarde…
Os recursos em Minha Gazeta são exclusivos para assinantes
Saiba mais sobre Minha Gazeta »

source
Fonte: Gazeta do Povo

Publicar comentário